Beba menos, beba melhor

Provavelmente você já escutou essa frase por aí, principalmente se é um consumidor de cervejas especiais. A ideia de reduzir o volume e priorizar a qualidade não é nova nem original, e a tendência é fazermos esse movimento com quase tudo na vida, conforme vamos ganhando experiência. Mas no mundo da cerveja essa lógica tem ainda mais significado, sendo quase uma filosofia que está presente desde o momento de produzir até a hora de consumir a bebida.


Em primeiro lugar, vem a questão da saúde. Há várias pesquisas que indicam que o álcool pode ser benéfico quando consumido em quantidade moderada (1-2 doses por dia), já que a bebida parece estar ligada a benefícios ao coração, rins, redução de estresse e retardo do envelhecimento. Ao mesmo tempo, há consenso científico de que o consumo em exagero é bastante maléfico ao longo do tempo, estando ligado a vários tipos de câncer, diabetes, aumento de pressão, cirrose, entre outros.


Pode parecer uma preocupação de tiozão, principalmente para quem é jovem, mas lembre-se sempre que hábitos são difíceis de mudar. Quanto mais cedo adquirirmos hábitos saudáveis, mais impacto isso irá fazer ao longo da vida.


Ou seja, quem bebe melhor acaba vivendo mais e bebendo por muito mais anos.

Além disso, podemos pensar na ideia de beber melhor pelo lado da satisfação. Cervejas leves, como o estilo que estamos acostumados a beber no Brasil nas últimas décadas, sempre pedem o próximo gole. É o que chamamos de drinkability, um termo importado do inglês, sem tradução adequada para o nosso idioma. Cervejas com alta drinkability são leves e nos permitem beber em maior volume. Cervejas com baixa drinkability, por outro lado, são mais encorpadas e saciam mais rápido, nos levando a consumi-las em menor volume. É bom deixar claro que drinkability não tem a ver com qualidade, além de não existir um nível ideal que valha para toda e qualquer cerveja. Cada estilo tem sua drinkability própria, e o divertido é poder variar ao longo do ano conforme o clima lá fora, o prato que estamos comendo ou a situação social em que nos encontramos.


Mas acredite, tomar uma garrafa de uma boa cerveja pode, muitas vezes, saciar sua vontade de maneira muito mais satisfatória do que um pack de 6 latinhas inteiro.


Contudo, o maior motivo para beber melhor vai muito além de saciar uma mera vontade passageira. Cervejas especiais podem ser extremamente complexas, remetendo a aromas e sabores de frutas, ervas, doces, flores e mais uma infinidade de possibilidades. Uma cerveja bem feita pode remeter você a um prato que sua avó fazia, uma fruta exótica que você provou em uma viagem de férias ou a uma combinação de sabores tão marcante que você dificilmente irá esquecer. Cada cerveja adquire, assim, uma personalidade única, que pode marcar nossa memória por muito tempo. Isso sem contar nas inúmeras possibilidade de combinações com pratos doces e salgados, que podem fazer você lembrar de um jantar para sempre (eu mesmo nunca esqueço do primeiro jantar harmonizado com cerveja da minha vida).


Beber uma boa cerveja é uma experiência sensorial única, mas pode ser ainda mais significativo que isso. Cada estilo de cerveja tem uma história por trás, ligada a inovações tecnológicas, guerras, revoluções, disponibilidade local de ingredientes, entre tantas outras coisas. Tomemos o caso do estilo Pilsner por exemplo. Pode ser bacana tomar uma cerveja tcheca leve e refrescante. Mas saber que esse estilo leva o nome da cidade em que foi desenvolvida (sim, Pilsen é uma cidade na atual República Tcheca), e que só poderia ter sido desenvolvida lá por conta de um tipo muito específico de água presente na região – que permitia uma cerveja excepcionalmente clara – torna tudo muito mais interessante.


Consumir uma cerveja pode ir muito além de beber o líquido. Ao abrir uma garrafa podemos estar indo ao encontro de centenas de anos de história, ou mesmo entrando na cabeça do mestre cervejeiro que desenvolveu uma receita única e disruptiva.


Em conclusão, toda vez que você ler a famosa frase “beba menos, beba melhor”, lembre: priorizar qualidade não é apenas uma opção por saúde ou saciedade. Consumir uma boa cerveja tem o potencial de mudar seu dia, sua semana ou até mesmo sua vida. Afinal, a vida passa muito rápido para perdermos tempo tomando cerveja ruim.


Bebamos menos, bebamos melhor, e assim vivamos mais e com mais memórias marcantes! Cheers! Prosit! Saúde!





frete grátis para toda a região sul

Porto Alegre | Motoboy | Compras acima de R$ 120 | Prazo: Até 48 horas 

Rio Grande do Sul | Sedex | Compras acima de R$ 120

 

Santa Catarina e Paraná | PAC | Compras acima de R$ 150

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter

©2019 by BeerCode.

Gebrau Comercio de Bebidas e Acessórios Ltda.

CNPJ 16.371.123/0002-50 

sac@beercode.com.br